Seguidores

quarta-feira, 6 de maio de 2009


Quem realmente Sou

Passado e presente
Agora se cruzam
Minha verdadeira identidade
Está prestes a ser revelada

Minha carne foi tocada pelas chamas
E nelas senti todo o teu ódio sobre mim
Meu sangue está jorrando
Minhas cicatrizes revelam quem realmente sou

Você levou minha vida
Você amaldiçoou minha alma
Meu sangue teu alimento
Meu corpo teu objeto de prazer

Núvens negras sobrevoam sobre mim
Uma noite coberta pelas sombras
A chuva fria cai
Estou prestes a cair em um sono profundo

Fazendo um passei
Voltando a um passado
Um passado tolo e infantil
Odeio tudo o que fui

Acordo sem esperanças
Acordo sem amor
Não sou nada aqui
Mas amo tudo o que sou hoje

Cresci querido,
Eu posso fazer você sofrer tudo o que eu sofri
Não se esconda de mim querido, não adianta
Eu sei onde se escondes...nas sombras – teu lar

BY BRUNA

2 comentários:

Bruna disse...

Querida, muito obrigada por estar divulgando o q eu mais gosto de fazer, q é escrever poemas!!!

Beijos Bruna

ana disse...

a Bruu é fantastica!!
*-*
Adoro seu poemas ...!

Bjus!!
e adorei o blog!!
^^